Sítio Brasil - Página Inicial

Ilha Comprida / SP

Com 74 quilômetros de praias, áreas de mangues, sítios arqueológicos, matas,
dunas e espécies raras de aves, a Ilha Comprida é uma das últimas áreas remanescentes
da Mata Atlântica e um dos últimos ecossistemas não poluídos do litoral brasileiro.
Faz parte do Complexo Estuário Lagunar de Iguape - Paranaguá,
que constitui um dos maiores viveiros de peixe e crustáceos do
Atlântico Sul. Possui importância ambiental, a Organização das Nações
para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), a incluiu na Reserva da Biosfera
do Planeta. O Município que tem 100% de seu território - 252 quilômetros quadrados -,
incluído em Área de Proteção Ambiental, desenvolve ações estruturais
para se transformar em Cidade Modelo do Turismo Sustentável.
As dunas de Ilha Comprida se espalham ao longo da orla nas
proximidades do Mar Pequeno e são passeios obrigatórios.
As dunas do Araçá, que ficam 7,5 quilômetros do lado esquerdo do
Boqueirão, reservam surpresas aos visitantes com muitas formações,
altura de até seis metros e uma linda vista para o mar.
Também são encontradas no caminho do Boqueirão Sul em grandes extensões.
Algumas delas terminam nas lagoas.
Conhecer as dunas da Ilha é um passeio inesquecível na natureza.
As aves típicas são um espetáculo à parte.

Trilhas em Ilha Comprida

Poucas pessoas sabem, mas a Ilha Comprida conta com grande área de formações rochosas no meio da mata fechada. Trata-se de Morretinho, no extremo Sul, reconhecido como a área mais alta do município, com cerca de 40 metros de altura do nível do mar.
Neste local, recomenda-se ir somente com guias da Prefeitura. Lá, a aventura é característica principal. Avista-se vegetação típica, lindas bromélias, grandes árvores centenárias e uma infinidade de pássaros.

Vista da Ponte que liga Iguape a Ilha Comprida
"Ponte Prefeito Laércio Ribeiro"

 

Iniciada em 1984 pelo então prefeito Láercio Ribeiro, essa ponte só foi inaugurada em 2000, pelos prefeitos Jair Young Fortes e Décio José Ventura, depois de 16 longos anos e de muitas batalhas jurídicas, facilitando o acesso. A balsa continua funcionando, para os pedestres atravessarem.
Para atravessar, tanto pela balsa (a pé) ou pela Ponte (de carro) paga-se.

 

 

 

 

COMO CHEGAR EM ILHA COMPRIDA:
Por São Paulo (SP)
200 km - Rodovia Régis Bittencourt (BR-116) até o trevo de Iguape, seguindo pela Rodovia Casimiro Teixeira SP-222.

Por Curitiba (PR)
260 km - Rodovia Régis Bittencourt (BR-116) até o trevo de Pariquera-Açu, pelas Rodovias Ivo Zanella e SP 226.

Por Cananéia
Acesso ao Boqueirão Sul feito por balsas.

Informações:
Departamento Municipal de Turismo da Ilha (013) 3842-7000
ou no Posto de Informações ao lado do Corpo de Bombeiros, no Boqueirão Norte
(de Sexta a Domingo).

Para hospedar-se:

Fotos gentilmente cedidas pela Sim Imóveis de Ilha Comprida.

© - 1999-2013.